Fórum – Perguntas

Participe do fórum deixando suas dúvidas.

16 Respostas

  1. A China e o Japão fizeram a revoluçao industrial ao mesmo tempo que os paises europeus?

    • Olá, meu caro aluno!
      A industrialização da China e do Japão foram tardias, isso é, aconteceram bem depois da dos países europeus. A industrialização do Japão é tema de várias questões no vestibular, e ficou conhecida como Revolução Meiji, os japoneses reconheceram a importância de desenvolverem a economia industrial para não serem dominados pela principais potências europeias e poderem realizar uma política expansionista na Ásia. Apesar de ser bastante fantasioso o filme “O Último Samurai” retrata esse peíodo de grandes mudanças na História do Japão.

  2. Com a expansao imperialista na Africa, houve alguma revolta que, de certa forma conseguiu expulsar os europeus de suas terras?

    • Ótima pergunta Edson!
      Não, mas é bom deixar claro que os povos da África sempre combateram a dominação e em alguns momentos até conseguiram algumas vitórias, mas foram logo combatidos e derrotadas diante do poder militar dos europeus. A descolonização da África ganhou força durante a Segunda Guerra Mundial e foi finalmente obtida durante as décadas de 50, 60 e 70 do século passado. Atualmente a África passa por uma série de graves problemas políticos, econômicos e sociais que estão diretamente relacionados ao Imperialismo sofrido no final do século XIX e começo do século XX pelos países europeus. Não deixe de assistir “Diamantes de Sangue” e se possível tente abaixar do site mininova.org o filme “Montanhas da Lua” ( procure em inglês “Mountains of the Moon”), falando sobre a exploração da África e a busca pela nascente do Rio Nilo, muito bom, precisando de alguma ajuda para procurar o filme é só mandar outro post. Um abraço e estou sempre a sua disposição. Até mais

  3. Olá professor!
    Á respeito de atualidades do vestibular, você teria disponível as obras que seguem?

    Esses aqui são os filmes:
    – O Crepúsculo dos Deuses
    – Todos os homens do presidente
    – Macunaíma
    – Edifícil Máster
    – Ônibus 174
    – Leões e cordeiros
    – Uma amizade sem Fronteiras
    – A Batalha de Canudos

    E os livros:
    – O rei da Vela
    – Luunda
    – A Ilha (Fernando Morais)

    Obrigada pela atenção, e parabéns pelo blog, está ótimo!

    • Olá, Fernanda!!
      Tudo bem né?
      Olha tenho todos os filmes que você precisa, estou terminando de fazer “download” de alguns e preciso converter para o formato DVD outros, mas dá para assistir pelo computador, de uma passadinha aqui para pegar ou posso levar na escola e mandar te entregar, é que estou trabalhando de manhã, tarde e noite, mas tem dias que fico em casa: terça e quarta a noite. Um grande abraço e estou sempre a sua disposição.
      Gil

  4. pofessor vc pode me dize oq foi a corrida armamentista??????

    • A Corrida Armamentista é o processo pelo qual um país busca armar-se com o objetivo de dominar e conquistar outro país, território ou região e também para proteger-se da ação imperialista de outro país. A corrida armamentista está relacionada com a expansão imperialista e também com a Guerra Fria, quando a tecnologia esteve a favor do desenvolvimento de novas armas (indústria bélica).
      Um filme que mostra muito bem o desenvolvimento das armas é: “O Último Samurai”, quando o poder da espada vai ser superado pelo poder das armas de fogo, outro filme interessante e super atual é: “O Senhor das Armas”, que mostra o poder dos armamentos no mundo pós-Guerra Fria.
      Espero ter ajudado, tendo qualquer outra dúvida é só perguntar.
      Um abraço e até mais.
      Gil.

  5. Olá professor Gil, gostaria de saber sobre:

    *Neonazismo nos EUA

    Se for possivel, me responda ate terça-feira dia 31/03

    Obrigada pela atenção, parabéns pelo blog.

    • Olá Thais.
      Devido a falta de tempo e a grande quantidade de tarefas para fazer no curso de pós-graduação, não deu para te dar uma resposta mais completa, por isso estou te enviando um texto que peguei da internet, sugiro que você assista ao filme “A Outra História Americana” ou “Botas de Aço”, que apresentam a temática sobre o neonazismo nos EUA de uma forma bastante realista, qualquer outa dúvida estamos aí para tentar te responder, um abraço e até mais. ” O aumento da quantidade de grupos neonazistas levou ao maior estudo dos mesmos, tanto profissionalmente por especialistas quanto de modo amador pela sociedade de um modo geral, ambos buscando explicações plausíveis para tal fenômeno. Das explicações encontradas, uma das mais aceitas e tida como razoavelmente plausível é: Os jovens procuram grupos neonazistas porque não encontram respostas para questões de ordem familiar, pessoal, social e até mesmo cívica. Nos Estados Unidos da América, o crescimento vertiginoso do crime simultaneamente ao das imigrações ilegais e da forte difusão da cultura afro-americana e latina cria um sentimento de angústia e medo por parte da suposta “Raça Branca”. Os jovens brancos estadunidenses estão vulneráveis a organizações que culpem essas minorias étnicas (latinos e afro-americanos) por tais problemas, e os movimentos neonazistas sabem disso. Assim, explorando a vulnerabilidade juvenil, os movimentos neonazistas podem reunir facilmente alguns desses jovens, manipulando-os. A própria proibição de propagação do nazismo na maioria dos países estimula os jovens que inicialmente não conhecíam o nazismo a interessar-se nos movimentos, visto que é característica marcante dos jovens a busca do proibido como forma de expressar rebeldia e contestação.”
      Gil

  6. Olá professor Gil

    o filme “A Outra História Americana” assistimos com a professora na escola

    obrigada pela resposta e pela atenção

  7. Olá professor Gil, na epoca do Antropocentrismo onde consideravam a razão, os homens como centro de todas as coisas; qual foi a atitude da igreja, porque a passagem de Teocentrismo (Deus no centro de todas as coisas) para Antropocentrismo (razão do homem) foi bem lenta, e naum do dia pra noite. Poderia explicar um pouco sobre como foi essa passagem, a atitude da igreja, e os conflitos entre igreja e quem contrariava a igreja?

    • Olá Richard.
      Vamos responder a sua pergunta por partes, vamos lá; olha as transformações em História, são quase sempre, lentas e graduais mesmo, somente nas Revoluções as mudanças são radicais e rápidas, o período a que você se refere faz parte das transformações ocorridas no final da Idade Média (Baixa Idade Média) e estão relacionadas com a passagem do feudalismo ao capitalismo, podemos dizer que é todo um conjunto de fatos e ideias que estão se modificando, como as críticas à Igreja Católica feita pelos protestantes que fará surgir as Igrejas chamadas por nós de evangélicas, a visão teocêntrica do mundo medieval vai ser contagiada pelo renascimento comercial, urbano e cultural (Renascimento) e pela expansão marítima, que vai por abaixo várias “teorias” como a forma da terra e a existência de seres míticos que povoavam os oceanos, mares e terras desconhecidas, ainda falando das mudanças econômicas é importante ressaltar o papel que a burguesia vai exercer na construção de uma nova visão de mundo, baseada no individualismo e na valorização do trabalho e do dinheiro, que tanto vai contribuir para o desenvolvimento do capitalismo.
      Podemos dizer que a atitude da Igreja foi bastante diversa em relação as críticas e as atitudes adotadas, ela fez uma lista de livros proibidos de serem lidos, o Index; e também reativou o Tribunal do Santo Ofício (Inquisição) que foi responsável pela condenação de várias pessoas e ideias, como foi o caso de Giordano Bruno que foi queimado vivo, e Galileu Galilei que teve que renunciar a suas ideias, por outro lado a Igreja também se reformulou e moralizou-se no sentido de criar regras mais rígidas para o clero (sacerdotes), é importante dizer que a Igreja também contratou vários artistas do renascimento como Leonardo da Vinci e Michelangelo entre tantos outros, é preciso também relacionar o Iluminismo do século XVIII como uma continuidade das ideias que irão romper com o teocentrismo e valorizar o conhecimento humano que pode explicar o mundo através da ciência e da experimentação, mas isso já é uma outra discussão.
      Olha tem muitos outros aspectos que poderíamos mencionar, mas o importante é perceber que essa discussão ainda está presente no mundo atual, quando se discute a questão da origem do homem, por exemplo: criacionismo versus evolucionismo; o que importa em História é a riqueza das ideias que um debate crítico e coerente possibilita a quem se presta a entender, ou melhor, a tentar entender o homem e suas preocupações em explicar e dar sentido ao mundo.
      Sempre gosto de indicar algum filme relacionado à pergunta, e poderia te indicar entre tantos filmes nessa temática: “O Nome da Rosa” e “Giordano Bruno” filme raro que as locadoras não tem, mas você pode baixar no site http://www.mininova.org e depois pegar as legendas no http://www.legendas.tv, sua pergunta foi excelente e qualquer outra dúvida será um prazer te responder.
      Um grande abraço e até mais.
      Gil

      • nossa, mto obrigado pela explicação seu gil, e quanto aos filmes, ja assisti o nome da rosa, que seria mais pela parte filosofica da historia, onde a igreja era a unica que tinha acesso á livro, e que por incrivel que pareça eram envenenados pois devidos as folhas serem mto grossas era necessária salivar os dedos para folhear os livros, assim, as pessoa eram envenenadas, Mto interessante essa parte da historia, inclusive, foi nesse periodo em que a maioria dos pensadores se revolucuinaram, “criando” a fisica, a ciencia, porque o que a população aprendia era somente materias propostas pela igreja, porem só obtiveram esse ensinamento após mta pressão á igreja, então o conteudo era controlado, por exemplo, ele aprendiam sobre o espaço, e com certeza explicavam sobre a teoria de que era tudo feito por deus, e naum diziam sobre o Big Bang, ai surgem os filósofos contrariando a Igreja! O ponto que mais me chamou atenção foi quando descobriram as Americas, sendo que no Mapa conceituado pela igreja não constava a Ameria, e sim somente 3 continente, que por sinal tinha o nome dos tres filhos de Noé: Sem, Cão e Jafé! O engraçado foi a divisão entre eles parecido com as castas indianas, porem existem os que Trabalham, os que rezam e lutão. Tudo em prol da igreja, as vezes gostaria de ter nascido somente como observador nesse periodo, acho mto interessante, e obrigado pela otima explicação. abraços

  8. Seu Gil uma curiosidade…qm foram os ”Bolcheviques” (acho que escreve assim) ?/

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: